Prefeitura de Cotia implanta ‘Ouvidoria do Trânsito’

Da Redação

Serviço municipal de comunicação entre cidadão e poder público atende pelo número 0800 8787830, de segunda a sexta-feira

Desde o final de 2017, a população de Cotia passou a contar com a Ouvidoria da Secretaria de Transportes e Trânsito (Settrans). O serviço municipal de comunicação entre os cidadãos e a secretaria foi criado para receber manifestações de sugestões, reclamações, denúncias e elogios. A Ouvidoria do Trânsito atende de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, pelo telefone 0800 8787830.

“O prefeito Rogério Franco defende um governo de diálogo e participação popular, então, nada melhor do que criarmos mecanismos para que o cidadão se manifeste enviando sugestões e críticas”, disse o titular da Settrans, Joaquim Brechó. De acordo com o secretário, é importante que a população saiba utilizar esta ferramenta para que o resultado seja positivo para todos. “A ouvidoria terá a função de apurar e dar uma resposta a cada demanda que chegar. É importante que a população tenha responsabilidade e saiba utilizar esta ferramenta para o bem coletivo e não para trotes ou denúncias fakes”, completou Brechó.

O número 0800 8787830 também serve para a população informar ocorrências de trânsito à Settrans com o objetivo de garantir uma rápida resposta de apoio viário em casos que afetem o escoamento viário.

 

Serviço:

Ouvidoria Settrans: 0800 8787830 (ligação gratuita)

Segunda a sexta-feira, das 8h às 17h

 

transito-cotia

Prefeitura de Barueri cria serviço gratuito de coleta de entulho

Da Redação

O ano de 2018 começou e uma das metas da Prefeitura de Barueri é conscientizar a população sobre o perigo do descarte irregular de entulhos e cacarecos em ruas e calçadas, e eliminar os considerados “pontos viciados”. Para isso, a Secretaria de Serviços Municipais (SSM) criou o Papa-Entulho, serviço que disponibiliza contentores que armazenam até 1.500 quilos de resíduos sólidos.

O serviço gratuito é prestado através do empréstimo dos chamados big bags, sacos flexíveis feitos de material resistente capaz de armazenar entulhos como restos de materiais de construção, madeiras ou cacarecos.

Para a moradora do bairro Nova Aldeinha, Luiza Augusta Ghirotti, a iniciativa auxilia a população no compromisso de manter a cidade limpa. “Às vezes o morador não tem condições de contratar uma caçamba e pode solicitar o serviço, isso ajuda a cidade ficar mais limpa. É feio ver as calçadas cheias de entulhos e móveis quebrados. Achei a iniciativa muito boa”, declarou a dona de casa, uma das primeiras moradoras a solicitar o big bag.

Como funciona

Para acionar o Papa-Entulho, basta entrar em contato com a Secretaria de Serviços Municipais pelo telefone 4162-7300 ou e-mail ssm@barueri.sp.gov.br. Ao receber o big bag, o morador assina um termo de uso e devolução. O equipamento é recolhido pelo caminhão do Papa-Entulho após três dias úteis ou quando estiver cheio.

Informações importantes

Apenas é permitido colocar no big bag resíduos de construção residencial, cacarecos ou inservíveis e madeiras. Lixo orgânico não pode. Materiais que estiverem fora do equipamento não serão removidos.

É importante lembrar que o big bag deverá ser colocado na calçada em frente à residência, de maneira que não atrapalhe a circulação de pedestres e não pode ser transportado para utilização em outro endereço.

Outro detalhe é que este é um serviço social e não está disponível para indústrias, comércios, prédios (comerciais ou residenciais) e conjuntos residenciais.

Lei 2.482/2016

A lei municipal 2.482/2016 prevê multa em casos de descarte irregular de entulhos. A Prefeitura se responsabiliza pela retirada de até 3 metros cúbicos de resíduos (cerca de 1.500 quilos). Para materiais acima desta quantidade, o morador deve contratar uma caçamba particular.

IMG_2994IMG_2999IMG_3009

 O caminhão do Papa-Entulho recolhe o big bag após três dias úteis
fotos: Robinson Alvarenga / Secom
Jaqueline Duarte

Cotia: Janeiro é o mês de atualização obrigatória do transporte escolar

Da Redação

Atualização é obrigatória para todos os transportadores escolares que prestam serviço no município de Cotia

Termina no dia 31 de janeiro o prazo para que os transportadores escolares do município de Cotia atualizem os seus cadastros junto à Secretaria de Transportes e Trânsito (Settrans). Todos devem comparecer à secretaria portando o alvará de transporte e o laudo do tacógrafo (instrumento que registra a velocidade, tempo e distância percorrida pelo veículo em seu deslocamento).

“Esta etapa é obrigatória para todos os profissionais que fazem o transporte escolar em Cotia. Quem não providenciar a atualização, está sujeito à apreensão do veículo até regularização junto à secretaria”, disse o secretário da Settrans, Joaquim Brechó.

De acordo com a Secretaria, no mês de junho, todos os veículos do transporte escolar em Cotia passarão por vistoria para aferir itens de segurança, documentação, entre outros.

A Settrans fica na rua Jorge Caixe, 246. Telefone 4703-2617.

 

Foto: Divulgação

Vistoria transporte escolar (7)

Barueri terá feiras de arte e gastronomia o ano todo. Programe-se

Da Redação

Lazer e variedade não irão faltar durante o ano de 2018 em Barueri. A Secretaria de Indústria, Comércio e Trabalho, para garantir isso, já fechou o cronograma da já tradicional Feira de Arte, Decoração e Artesanato (que ocorre no segundo final de semana de cada mês às sextas, sábados e domingos) e também da Feira Gastronômica (na penúltima semana de cada mês, às quartas, quintas, sextas e sábados).

As feiras, que têm entrada franca, garantem agradáveis passeios em família, além de oferecerem produtos únicos, de qualidade, comida boa e diversificada. Ambas acontecem na Praça Oiapoque, em Alphaville, com diferença de horários: a de Artes ocorre das 10h às 19h; já a Gastronômica, das 10h às 21h.

A Feira de Arte é composta por 50 barracas e 12 food trucks. Esses mesmos food trucks, juntamente com food bikes, estarão presentes na Feira Gastronômica. Eles incluem comidas típicas japonesas, mexicanas, árabes, além de hambúrgueres, pastéis, churrasco, costela no bafo, caldos de cana e coco gelado, hot dog, chope artesanal, churros, açaí, juju gourmet e muito mais.

Novidades 

Este ano há novidades. A Feira de Arte, Decoração e Artesanato terá edições no Parque Municipal Dom José (Rua Ângela Mirella, 500 – Jd. Maria Tereza) e também no Parque Ecológico de Barueri (Av. Dr. Dib Sauaia Neto, 1600 – Alphaville).

Além disso, o evento contará com música ao vivo. Quem passar por lá poderá curtir o som do cantor Nailton, que toca estilos musicais variados.

 

Confira, abaixo, o calendário completo das feiras e programe-se: 

 

Feira de Arte, Decoração e Artesanato

 

PARQUE MUN. DOM JOSÉ

Feira de Arte, Decoração e Artesanato

 

PRAÇA OIAPOQUE

Feira de Arte, Decoração e Artesanato

 

PARQUE ECOLÓGICO

Feira Gastronômica

 

PRAÇA OIAPOQUE

JANEIRO

06 e 07

11, 12 e 13

20 e 21

24, 25, 26 e 27

FEVEREIRO

03 e 04

08, 09 e 10

17 e 18

21, 22, 23 e 24

MARÇO

03 e 04

08, 09 e 10

17 e 18

21, 22, 23 e 24

ABRIL

30/03 e 01/04

05, 06 e 07

14 e 15

25, 26, 27 e 28

MAIO

05 e 06

10, 11 e 12

19 e 20

23, 24, 25 e 26

JUNHO

02 e 03

07, 08 e 09

16 e 17

20, 21, 22 e 23

JULHO

07 e 08

12, 13 e 14

21 e 22

25, 26, 27 e 28

AGOSTO

04 e 05

09, 10 e 11

18 e 19

22, 23, 24 e 25

SETEMBRO

01 e 02

13, 14 e 15

22 e 23

26, 27, 28 e 29

OUTUBRO

13 e 14

04, 05 e 06

20 e 21

24, 25, 26 e 27

NOVEMBRO

03 e 04

08,09 e10

17 e 18

21, 22, 23 e 24

DEZEMBRO

01 e 02

06, 07 e 08

15 e 16

———–

 

ARVS4170 ARVS4211

Feira de Artes nos parques e música ao vivo são as novidades dos eventos em 2018

Fotos: Allisson Roberto / Secom

 
Aliz Lambiazzi

Barueri: Inscrições abertas para cursos gratuitos de informática e design gráfico

Da Redação

A Coordenadoria da Juventude, ligada à SADS (Secretaria de Assistência e Desenvolvimento Social), está com inscrições abertas para o projeto Acessa Juventude, que oferece cursos gratuitos de Informática Básica e Design Gráfico para jovens com idade entre 15 e 29 anos. O prazo das inscrições segue até 19 de janeiro.

Os cursos começam no dia 22 de janeiro e estão disponíveis nos períodos da manhã (08h30 às 10h30) e da tarde (14 às 16h). A duração é de 30 horas para Informática (Windows, Word, Excel e Power Point), com aulas nas segundas e quartas-feiras; e de 50 horas para Design Gráfico (Photoshop, Corel Draw, Indesign), sempre nas terças e quintas-feiras.

As aulas serão ministradas na sede da Secretaria de Assistência de Desenvolvimento Social, que fica na avenida 26 de Março, 1159, Centro.

Para se inscrever, compareça à SADS, de segunda a sexta-feira, das 8 às 17 horas, com RG, comprovante de residência e foto 3X4. Mais informações, ligue para 4199-2800.

 

Foto: Divulgação

barueri

 

Jaqueline Duarte

Praça da Matriz de Cotia recebe evento ‘Força Bruta

Da Redação

Foto: Divulgação Secomforca-bruta

O evento conta com o apoio da Prefeitura de Cotia e acontece a partir das 10h, com transmissão ao vivo pela TV Globo. Entrada é franca

A Praça da Matriz de Cotia será palco da competição de strongman “Força Bruta”, esporte que também é conhecido como atletismo de força, que reunirá os homens mais fortes do mundo, no próximo domingo (14/01), a partir das 10h. A disputa colocará frente a frente os melhores atletas da modalidade do Brasil e da Polônia.

Os competidores Marcos Ferrari e Tiago Aparecido representarão os sul-americanos, já o país europeu terá em ação Mateusz Kieliszkowski e Krzysztof Radzikowski. O evento terá transmissão ao vivo da TV Globo, durante a programação do Esporte Espetacular. Quem passar pela Praça da Matriz poderá acompanhar a performance dos atletas, já que o evento é aberto ao público.

Os brasileiros contam com excelente currículo e buscam conquistar mais uma vitória em solo brasileiro. O paulista Marcos Ferrari, de 40 anos de idade e 122 kg, e participa do Força Bruta desde a primeira edição da no País, em 2013. Melhor atleta profissional sul-americano de strongman desde 2010, Ferrari é tricampeão brasileiro e sul-americano.

O também paulista Tiago Aparecido, de 32 anos e 125 kg, é atual campeão do desafio “O Homem Mais Forte do Brasil 2017″ e duas vezes campeão sul-americano, uma no Uruguai e outra na Argentina. Tiago acumula ainda o tricampeonato brasileiro e o bi do Arnold Sports South America.

Segundo os competidores, que estavam visitando a Praça na tarde desta quarta-feira (10/01), a cidade de Cotia foi escolhida pelo seu fácil acesso, a partir da Rodovia Raposo Tavares. “O evento sempre traz atletas de renome internacional para competir, inclusive, já competimos algumas vezes com os poloneses, já ganhamos, já perdemos. Mas no domingo esperamos levar a melhor”, contou Marcos Ferrari.

A Competição

A competição é realizada pela Savaget & Excalibur Promoções e Eventos e contará com três provas. A primeira é a do Medley, um circuito reunindo quatro fases: inicia-se com o Martelo de Thor, com pesos de 15 kg em cada mão, na isometria de braços abertos e vence quem ficar mais tempo na posição. O atleta que parar primeiro terá três segundos de punição na próxima etapa. Em seguida, eles terão que elevar uma pedra de 100 kg acima da cabeça (uma única repetição), depois farão quatro repetições do Dumbbell (haltere fechado) de 100 kg, e as batalhas da primeira prova terminam com dois tombos de um pneu giganta de trator.

A segunda prova será a do Deadlift, em duplas, com o levantamento de uma caçamba de lixo, em que o peso nas mãos deverá ser de 600 kg no total. A altura da barra será definida pelo atleta de menor estatura da dupla, com tempo máximo de duração de dois minutos. Por fim, a decisão ficará para o tradicional Atlas Stones (por cima da barra), com uma pedra de 140 kg. O atleta tem que jogar a bola por cima da trave para o oponente. Quando cansar e/ou se machucar, o parceiro pode dar continuidade, mas o primeiro não poderá mais retornar para a competição. Vence a dupla que ficar mais tempo e não desistir.

Toda a estrutura do evento já está sendo montada na Praça da Matriz, localizada na Rua Senador Feijó, 12, Centro.

Serviço:
Força Bruta 2018
Data: 14 de janeiro
Horário: a partir das 10h
Local: Praça da Matriz – Cotia

Endereço: Rua Senador Feijó, 12

Entrada gratuita

 

 

Com novidades, Corinthians estreia na temporada diante do PSV

corrri-A3675F127702-1024x683

Carille espera receber novos reforços antes do início do Campeonato Paulista (foto: Daniel Augusto Jr./Ag. Corinthians)

O Corinthians fará a sua primeira partida em 2018 às 22 horas (de Brasília) desta quarta-feira, em Orlando, pela Copa Flórida. O adversário será o PSV Eindhoven, da Holanda, adversário que o time brasileiro jamais enfrentou em sua história e contra o qual testará algumas novidades.

Em sua formação titular, o Corinthians contará pela primeira vez com o lateral esquerdo Juninho Capixaba, que veio do Bahia com a missão de substituir Guilherme Arana, vendido ao espanhol Sevilla. Para a baixa do zagueiro Pablo, que não acertou renovação de contrato, o escolhido foi Pedro Henrique, enquanto o atacante inglês naturalizado turco Kazim herdou o posto de Jô, agora atleta do japonês Nagoya Grampus.

Pedro Henrique e Kazim precisarão mostrar serviço rapidamente, já que estão em vias de ganhar concorrência. O Corinthians ficou próximo de confirmar as contratações do defensor Henrique e do centroavante Henrique Dourado, que defendiam o endividado Fluminense e deverão chegar para ganhar posição.

Outra novidade é o desenho tático do Corinthians, que será mais ofensivo em relação ao time campeão paulista e brasileiro em 2017. O técnico Fábio Carille aposta em uma equipe com Gabriel como único volante para iniciar o ano e Jadson e Rodriguinho na armação de jogadas. Nas pontas, o time tem Clayson e Romero.

Do outro lado, estará o atual líder do Campeonato Holandês. O PSV do técnico Phillip Cocu soma 46 pontos ganhos em 18 jogos disputados em sua competição nacional. “Vamos tentar controlar o jogo. Eles estão em meio de temporada. A gente, iniciando. São ritmos diferentes. Temos que saber dosar bem”, alertou o lateral direito Fagner.

ps-845964509072203195954

Ao contrário do Corinthians, time holandês não sofrerá com a falta de ritmo de jogo em Orlando (foto: divulgação/PSV)

Fagner é um dos corintianos com passagem pelo PSV – além dele, o goleiro Cássio e o volante reserva Fellipe Bastos passaram por lá. “Será bacana, depois de dez anos, enfrentar o clube que abriu as portas para mim na Europa. Saí muito novo e morei sozinho na Holanda, criando responsabilidades. O meu primeiro gol como profissional foi pelo PSV. Respeito muito o clube e agradeço”, discursou o lateral.

FICHA TÉCNICA
CORINTHIANS X PSV

Local: Orlando City Stadium, em Orlando (Estados Unidos)
Data: 10 de janeiro de 2018, quarta-feira
Horário: 22 horas (de Brasília)
Arbitragem: não divulgada pela organização

CORINTHIANS: Cássio; Fagner, Balbuena, Pedro Henrique e Juninho Capixaba; Gabriel, Romero, Jadson, Rodriguinho e Clayson; Kazim
Técnico: Fábio Carille

PSV: Zoet; Arias, Brenet, Isimat-Mirin e Brenet; Hendrix, Ramselaar, Lozano, Van Ginkel e Bergwijn; De Jong
Técnico: Phillip Cocu
Da Gazeta Esportiva São Paulo, SP

Estado de São Paulo registra mais três mortes por febre amarela

vvv-vacina_contra_febre_amarela09876

Febre. Objetivo é evitar o risco de alastramento da doença(Foto: Alex Brito/PMJ)

Mais três mortes por febre amarela silvestre foram confirmadas nesta terça-feira (9) no estado de São Paulo. Duas mortes ocorreram em Atibaia e foram confirmadas pela prefeitura da cidade. A terceira vítima tinha 48 anos e estava internada no Hospital Leforte, no bairro da Liberdade, no centro da capital paulista.

As vítimas de Atibaia são um jovem de 22 anos e um idoso de 89 anos. As amostras dos pacientes foram coletadas nos dias 28 e 31 de dezembro e a confirmação de que eles estavam com febre amarela ocorreu somente hoje.

Atibaia

A estância de Atibaia faz limite com o município de Mairiporã, onde três mortes por febre amarela foram confirmadas neste início de ano. Com isso, já são seis os óbitos confirmados para febre amarela silvestre neste início do ano em todo o estado.

A prefeitura de Atibaia informou que, no ano passado, 95.341 pessoas foram vacinadas na cidade. A Secretaria de Saúde do município continua alertando as pessoas que ainda não se vacinaram para que procurem as unidades de saúde e busquem a imunicação. A meta da prefeitura é vacinar 100% da população.

“Com a ocorrência de macacos positivos, foram realizadas medidas intensivas para alcançar, em curto espaço de tempo, a melhor cobertura vacinal possível, razão pela qual foi ampliado o horário de atendimento em algumas unidades de saúde, realizadas ações de vacinação em feiras noturnas e eventos e campanhas em empresas, com grande número de funcionários. Um total de 95.341 mil pessoas foram vacinadas ao longo de 2017. Desde 2007, já são 104.032 mil imunizados, ou 75,17% da população de Atibaia”, disse a prefeitura.

Segundo a Secretaria de Saúde de Atibaia, as mortes e a ocorrência da doença em macacos confirmam que o vírus está em circulação. De acordo com a prefeitura, no começo de 2017, apenas municípios vizinhos a Atibaia registraram morte de macacos, mas, em setembro, surgiram os primeiros primatas mortos nas matas da cidade: 37 com morte confirmada por febre amarela. “Os primatas atuam como bioindicadores, possibilitando a identificação de áreas de risco de contaminação pela doença – que se dá pela picada do mosquito Haemagogus e Sabethes (transmissor) em macacos e em humanos”, explicou a prefeitura.

Na febre amarela silvestre, os mosquitos Haemagogus e Sabethes, que vivem nas matas, transmitem o vírus, e os macacos são os principais hospedeiros. Esses mosquitos picam o macaco contaminado e transmitem o vírus a uma pessoa suscetível, que não foi vacinada e que adentra uma área silvestre. Já a febre amarela urbana, que não existe no país desde 1942, é transmitida quando o mosquito urbano, o Aedes aegypti, pica uma pessoa doente e depois outra pessoa suscetível, transmitindo a doença.

A prefeitura de Atibaia informou que vai intensificar a vacinação na cidade, principalmente em áreas próximas a matas e com incidência positiva de macacos. E alertou as pessoas que têm hábito de circular em áreas de risco fazendo trilhas e acampamentos e frequentando cachoeiras, para que se vacinem contra a febre amarela e usem repelentes.

São Paulo

A pessoa que morreu hoje em São Paulo deu entrada no Hospital Leforte na última sexta-feira (5), com diagnóstico confirmado de febre amarela. O paciente foi internado na unidade de terapia intensiva (UTI), mas o caso evoluiu para falência múltipla de órgãos, disfunção renal grave e choque séptico, informou a assessoria do hospital.

De acordo com a Secretaria municipal de Saúde de São Paulo, 16 casos de febre amarela silvestre foram registrados na cidade desde o início de 2017. Todos esses casos, informou a secretaroa, foram importados de outros estados ou municípios: 10 de Minas Gerais, um de Monte Alegre do Sul, quatro de Mairiporã e um de Atibaia. Não houve, até este momento, registro de febre amarela autóctone (contraída no próprio município) na cidade de São Paulo.

A secretaria municipal informou ainda que, desde outubro, a vacinação contra a doença foi intensificada na zona norte da capital. Até agora, 1.139.871 pessoas foram vacinadas. Na zona sul e no distrito de Raposo Tavares, na zona oeste, também houve vacinação. Nesses locais, foram vacinadas, respectivamente, 214.705 e 15.344 pessoas.

 
Da Agência Brasil

Temer sanciona com vetos programa de renegociação de dívidas rurais

O presidente Michel Temer sancionou, com vetos, a lei que institui o Programa de Regularização Tributária Rural. O programa permite a renegociação das dívidas de produtores rurais e será publicado no Diário Oficial de amanhã (10).

Após ouvir os Ministérios do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão e da Fazenda, Temer vetou 24 dispositivos do texto enviado pelo Congresso Nacional. Dentre os vetos está o aumento de 25% para 100% de desconto das multas e encargos sobre os débitos acumulados com o Funrural.

O presidente argumentou que este e outros vetos se deram porque trechos do projeto de lei (PL) estavam em desacordo com o ajuste fiscal proposto pelo governo. “Os dispositivos representam sobrelevação de custo fiscal imputado ao Tesouro Nacional, sem previsão na Lei Orçamentária para recepção do impacto, e indo de encontro ao esforço fiscal empreendido no país”, justificou Temer ao presidente do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE).

Ainda durante a votação do PL no Senado, houve divergências acerca do texto, elaborado após perda de vigência de uma medida provisória com o mesmo tema. Segundo o senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP), o governo trabalhou contra a proposta de equilíbrio fiscal. Já a senadora Simone Tebet (PMDB-MS) defendeu o projeto e negou que se estivesse fazendo uma renúncia fiscal.

 
Da Agência Brasil

Exposição em São Paulo mostra preservação do patrimônio brasileiro

cul-01092018715120180109

A exposição: A construção do Patrimônio comemora os 80 anos da criação do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional – Rovena Rosa/Agência Brasil

A partir de hoje (10), a Caixa Cultural recebe cerca de 150 obras, entre fotografias, aquarelas, desenhos, documentos, esculturas e azulejos, na exposição A Construção do Patrimônio. O objetivo é mostrar um panorama da história das políticas públicas de preservação no Brasil, além dos desafios que envolvem a expansão do conceito de patrimônio. Promovida pelo Instituto Pedra, a exposição fica em São Paulo até o dia 4 de março.

Com curadoria do ex-presidente do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) Luiz Fernando de Almeida, a exposição faz parte da programação das comemorações dos 80 anos de criação do Iphan, a primeira instituição dedicada à preservação e à promoção do patrimônio cultural na América Latina. No acervo estão registros e obras de Tarsila do Amaral, Mário de Andrade, Lucio Costa, Marcel Gautherot, Germano Graeser, Eric Hess, Oscar Niemeyer, Pierre Verger e uma réplica de Aleijadinho.

“A exposição traz uma espécie de provocação sobre o que temos hoje projetado para o futuro. Reflete sobre o que aconteceu com o nosso patrimônio no intervalo entre o século 20 e hoje. Nossas noções de patrimônio, o que era considerado patrimônio. Cada vez mais, a ideia não é muito consolidada. Patrimônio é uma construção a partir dos processos que nós fizemos na contemporaneidade”, disse o curador.

Luiz Fernando de Almeida receberá o público no dia 1º de fevereiro para uma visita guiada. Na ocasião, também será realizado um debate com a participação de Anna Beatriz Galvão, doutora em arquitetura e urbanismo pela Universidade de São Paulo.

“Uma exposição que fala de patrimônio é uma reflexão sobre nós e o lugar em que vivemos. Sobre nós como sociedade e como país. De certa maneira, ao falar do Brasil nos faz pensar sobre o país, sobre o que queremos projetar para o futuro como nação e coletividade”, acrescentou Almeida.

A Caixa Cultural São Paulo fica na Praça da Sé, 111, no centro, e funciona de terça a domingo, das 9h às 19h, com entrada gratuita.

 

Da Agência Brasil*