Cercado de expectativas, Palmeiras estreia contra o Santo André

Mais uma temporada se inicia e o Palmeiras é novamente apontado como principal favorito a vencer todos os campeonatos que disputará. Nesta quinta-feira, o Alviverde estreia contra o Santo André, às 19h30 (de Brasília), no Palestra Itália, pelo Campeonato Paulista para dar início ao projeto de não repetir 2017, quando frustrou expectativas e não conquistou nenhum título.

A partida contra o Ramalhão tem diversos atrativos. Além do óbvio primeiro teste oficial da equipe, o jogo marcará a estreia de Roger Machado, a definição do provável goleiro titular para o restante da temporada, e o primeiro contato de Lucas Lima com os anteriormente torcedores rivais.

“O que eu espero das minhas equipes é que tenhamos equilíbrio. Defender e atacar bem. Desde o início do campeonato a gente comece a mostrar coisas importantes que trabalhamos nessa pré-temporada, curta, mas muito produtiva. Uma equipe competitiva, vai ser sempre buscar o gol jogando dentro de casa, mas que consiga entender bem os momentos do jogo. O momento de se defender bem, não dar chances para o adversário, e o momento de definir a partida”, afirmou o treinador.

 (Foto: Cesar Greco/SEP)

palmeiras-8976Em entrevista coletiva na véspera da estreia, Roger Machado desconversou se o histórico dos goleiros no clube pesariam em sua escolha por um titular. No treinamento do mesmo dia, porém, o treinador esboçou a equipe titular com Jailson no gol.

Outras posições também serão definidas para a partida contra o Santo André, nesta quinta-feira, às 19h30 (de Brasília), no Palestra Itália. Durante os treinamentos, Roger testou Thiago Martins e Willian, nas vagas de Luan e Keno. No entanto, o treinador não quis confirmar sua escolha.

Além dos já citados Lucas Lima e Weverton, outras novidades do Palmeiras para esta temporada são os laterais Diogo Barbosa e Marcos Rocha, o zagueiro Emerson Santos e o meia Gustavo Scarpa. Destes, apenas Rocha deverá atuar, já que Diogo Barbosa está contundido, Emerson Santos não foi inscrito e Scarpa ainda não tem condições de jogo.

No Santo André, a equipe tem como principais atrações o zagueiro Domingos e o volante Adriano, ambos com passagens pelo Santos, além do meio-campista Tinga, revelado na Ponte Preta e que atuou pelo Palmeiras. Para o defensor, portanto, enfrentar o Maior Campeão do Brasil não será novidade.

“Nós já estamos acostumados a jogar com essas equipes de alto nível. Então acho que o mais importante é que estamos nos preparando muito bem para fazer um grande campeonato e enfrentar essas equipes (Corinthians, Palmeiras e Santos). Sabemos que são times qualificados, a equipe do Palmeiras é uma das melhores equipes do Brasil, mas estamos preparados. Fizemos uma boa pré-temporada e esperamos fazer um grande jogo e sair com um resultado positivo (na quinta-feira)”, afirmou Domingos.

FICHA TÉCNICA
PALMEIRAS X SANTO ANDRÉ

Local: Estádio Palestra Itália, em São Paulo (SP)
Data: 18 de janeiro, quinta-feira
Horário: 19h30 (de Brasília)
Árbitro: Marcelo Aparecido de Souza (SP)
Assistentes: Anderson José de Moraes Coelho e Miguel Cataneo Ribeiro da Costa (SP)

PALMEIRAS: Weverton (Fernando Prass ou Jailson); Marcos Rocha, Antônio Carlos, Thiago Martins (Luan) e Victor Luiz; Felipe Melo e Tchê Tchê; Willian (Keno), Lucas Lima e Dudu; Borja
Técnico: Roger Machado

SANTO ANDRÉ: Zé Carlos; Foguete, Domingos, Suéliton e Paulinho; Adriano, Flávio, Alex e Tinga; João Lucas e David Ribeiro
Técnico: Sérgio Soares

 
Da Gazeta Esportiva São Paulo, SP

Após derrota, elenco do São Paulo se reapresenta e faz regenerativo

sao paulo-6754

São Paulo está no grupo de Ponte Preta, Santo André e São Caetano (Foto: Ivan Altman/São Paulo)
Os jogadores do São Paulo que foram a campo na derrota para o São Bento por 2 a 0 na estreia do Campeonato Paulista se reapresentaram na manhã desta quinta-feira. Os atletas realizaram atividades regenerativas no CT da Barra Funda.

Os preparadores fizeram um circuito físico na academia do REFFIS e supervisionaram os trabalhos feitos. O treinamento na manhã da quinta segue o planejamento de Dorival Júnior e da comissão técnica do Tricolor, que montou duas equipes para o começo da temporada.

O São Paulo volta a campo no sábado, às 19 horas (de Brasília), quando fará sua estreia em casa contra o Novorizontino. Os jogadores que enfrentaram o Bentão irão treinar, enquanto outra equipe irá a campo para enfrentar a equipe comandada por Doriva.

Anderson Martins, Diego Souza e Cueva ainda não estão em condição física para atuar. Os próximos confrontos do Tricolor serão Mirassol, Corinthians e Madureira, este pela Copa do Brasil, nos dias 24, 27 e 31 de janeiro respectivamente.

Da Gazeta Esportiva São Paulo , SP

MEC antecipa data do Sisu; inscrições começam dia 23

A abertura das inscrições no Sistema de Seleção Unificada (Sisu) foi antecipada para 23 de janeiro, conforme anunciou hoje (18) o ministro da Educação, Mendonça Filho. Segundo ele, estudantes que fizeram o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2017 e que queiram tentar uma vaga em instituições públicas de ensino superior têm entre 23 e 26 de janeiro para se inscrever.

O anúncio foi feito durante entrevista coletiva para divulgar os resultados do Enem 2017, liberados pouco antes das 12h de hoje. O prazo inicial para registrar a nota da prova e se candidatar a uma instituição pública de ensino superior era de 29 de janeiro a 1º de fevereiro. De acordo com o ministro da Educação, o motivo da antecipação seria apenas “saciar a ansiedade” dos candidatos.

O cronograma das demais seleções da pasta, como o Programa Universidade para Todos (ProUni) e o Programa de Financiamento Estudantil (Fies), segundo ele, permanece inalterado.

 

 

Da Agência Brasil

Greve do metrô paralisa parcialmente linhas em São Paulo

A paralisação de 24 horas dos metroviários afeta parcialmente a operação do metrô hoje (18) na cidade de São Paulo. Os grevistas são contra a concessão à iniciativa privada das linhas 5-Lilás e 17-Ouro, cujo leilão está marcado para amanhã (19). Com a greve, usuários que dependem do transporte público formam longas filas nos pontos de ônibus.

Segundo o metrô, a linha 15-Prata é a única totalmente paralisada. Na linha 1-Azul, a operação é feita entre as estações Ana Rosa e Luz. A linha 2-Verde funciona no trecho entre Paraíso e Vila Madalena. A linha 3-Vermelha tem operação entre as estações Bresser-Mooca e Marechal Deodoro. Na linha 5-Lilás, o funcionamento abrange o trecho entre Capão Redondo e Adofo Pinheiro. A Linha 4-Amarela, concedida à iniciativa privada, funciona normalmente.

metro_spcptm_govsp

Metrô de São Paulo tem paralisação de 24 horas -Governo de São Paulo/Arquivo

A Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) liberou os veículos de passeio do rodízio, mas manteve as restrições para caminhões e fretamento. A Zona Azul (cobrança para estacionamento em vias públicas) também está liberada hoje. A São Paulo Transporte (SPTrans) colocou a frota total de ônibus nas ruas e estendeu itinerários das linhas para facilitar a chegada à região central.

O Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região (TRT-2) concedeu ontem, parcialmente, o pedido de liminar do metrô. Foi determinado que 80% da frota devem circular nos horários de pico (das 6h às 9h e das 16h às 19h) e 60% nos demais intervalos. A liminar também fixa uma multa de R$100 mil para o descumprimento.

O metrô lamentou a greve e informou que os funcionários grevistas serão descontados nos salários. Em nota, a companhia argumenta que a concessão das linhas à iniciativa privada é parcial e que não se trata de privatização. Além disso, lembrou que não fez demissões. “Ao contrário, o governador Geraldo Alckmin autorizou a contratação de 214 novos técnicos para a operação de suas linhas, sendo 206 de aproveitamento dos candidatos aprovados em concursos públicos e oito novos oficiais de logística e almoxarifado. Essas vagas, somadas às já autorizadas em 2017, ultrapassam 500 novos empregados”.

 
Da Agência Brasil

PF e Ibama deflagram operação contra extração ilegal de madeira amazônica

1020803-dsc--9

PF e Ibama deflagram operação contra extração ilegal de madeira amazônicaPoliciais federais e fiscais do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) deflagraram hoje (18), em Manaus, uma nova operação contra a extração ilegal de madeira da floresta amazônica.

Batizada de Operação Arquimedes, a ação é o resultado de investigação iniciada há mais de um mês e que já resultou na apreensão de 444 contêineres com madeira ilegal, que seria enviada para comerciantes da Europa, dos Estados Unidos e de outros estados brasileiros.

Em nota, a PF informou que, se disposto lado a lado, em linha, o volume de material apreendido seria suficiente para cobrir um percurso de 1.500 km, quase a distância entre Brasília e Salvador.

A apuração começou a partir de um alerta da Receita Federal. Os policiais federais e fiscais do Ibama identificaram fraudes nos Documentos de Origem Florestal (DOFs), que deveriam atestar a legalidade da extração e da origem da madeira.

Em nota, a PF explicou que a madeira confiscada por ilegalidades na documentação foi extraída em Roraima, Rondônia e no Amazonas. Os investigadores tentam identificar as pessoas físicas e jurídicas envolvidas no esquema, que responderão de acordo com a Lei de Crimes Ambientais e também por receptação de material ilícito, crime previsto no Código Penal.

 

Da Agência Brasil

Corinthians erra pênalti e perde da Ponte com 1 a mais

O Corinthians teve até bom volume de jogo e criou algumas oportunidades, mas foi incapaz de superar uma bem montada Ponte Preta, que chegou ao seu gol em lindo lance do garoto Saraiva. Com direito a pênalti perdido por Jadson, até então o melhor em campo, o time do Parque São Jorge não conseguiu vazar o instável goleiro Ivan durante os 90 minutos de bola rolando e perdeu por 1 a 0 para a equipe mineira, na noite desta quarta-feira, no Pacaembu.

O resultado foi uma espécie de vingança dos campineiros, derrotados na final do Campeonato Paulista do ano passado, mostrando maisu ma vez a dificuldade do Corinthians em reagir após sair atrás do placar. Aos visitantes, há de se ressaltar a excelente participação de Saraiva, autor do gol, e a dedicação dos outros atletas, a maioria sofrendo com câimbras ao final do duelo~, segurando o atual campeão mesmo com um jogador a mais.
Na próxima rodada, os comandados de Fábio Carille terão pela frente o São Caetano, teoricamente como visitantes, mas mais uma vez no Pacaembu e com maioria na torcida. O duelo será às 19h30 (de Brasília) do domingo. Do outro lado, Eduardo Baptista e sua trupe enfrentam o Linense, no Moisés Lucarelli, em Campinas, no mesmo dia e horário.

Foto: Fernando Dantas / Gazeta Presscorinthianspontefernandodantasgp2

Jadson leva perigo, mas para na trave

A primeira jogada de perigo corintiana saiu aos 17 minutos de bola rolando, em lance que começou com um lindo chapéu de Fagner, na defesa. O lateral tabelou e levou a bola até próximo da área, quando foi desarmado. A bola, porém, sobrou para Gabriel, que acionou Clayson. O atacante colocou na área para Jadson, que bateu cruzado. O goleiro Ivan espalmou e Kazim, sem tempo para reagir, viu a bola bater em si e ir para fora.

Bem postada, a Ponte conseguiu controlar o ímpeto corintiano, apostando principalmente no lado direito da sua equipe. Emerson e Saraiva davam trabalho, impedindo Romão de subir ao ataque e dificultando a produção ofensiva de Clayson. A saída, então, foi inverter o lado do ataque. A partir dos 30 minutos, Fagner passou a sair mais para o jogo e conseguiu criar os principais lances de perigo dos donos da casa.

Aos 33, ele recebeu de Romero na linha de fundo e cruzou para trás. A bola chegou limpa para Jadson, que chutou de chapa com o pé direito, da marca do pênalti, e carimbou o travessão do goleiro Ivan. No rebote, já quase na intermediária, Gabriel deu um pique e arriscou forte chute com o pé direito, mas mandou à direita do gol, arrancando sorrisos de incredulidade dos corintianos presentes ao Pacaembu.

O ritmo arrefeceu após a pressão dos donos da casa, mas, antes do intervalo, o duelo reservou uma grande mudança. Em bola que Balbuena protegia dentro da área, Felippe Cardoso, já amarelado, tentou dividir com o goleiro Cássio e acabou acertando o rosto do arqueiro. Raphael Claus esperou os atletas se levantarem e advertiu o jovem de 19 anos com o segundo amarelo, deixando a Ponte com um a menos.

 

 

Tomás Rosolino
Da Gazeta Esportiva