São Paulo enfrenta o Figueirense no Orlando Scarpelli

Da Redação Pela Série A, o time paulista soma 13 vitórias, quatro empates e duas derrotas contra o adversário

Foto: Divulgação/Figueirense

figgg-8198657436

Depois de sofrer uma derrota na Copa Sul-Americana diante do Criciúma, o São Paulo permanece em Santa Catarina para enfrentar o Figueirense, no estádio Orlando Scarpelli, em partida válida pela 18ª rodada do Brasileirão. Sem perder há cinco partidas, o time de Florianópolis (SC) vem de uma vitória por 1 a 0, contra o Vitória, pelo campeonato nacional.

Poupados no meio de semana, Rafael Toloi e Kaká serão os reforços na equipe são-paulina. “Eles eram os que mais preocupavam, mas já estão bem. Vão jogar”, disse Muricy Ramalho. Além deles, o treinador deverá utilizar Denílson e Alan Kardec, que ficaram no banco de reservas contra o Criciúma. Osvaldo, que estava lesionado, está recuperado e entrará no lugar de Alexandre Pato, suspenso. Álvaro Pereira e Ganso também estão suspensos e não jogam.

Segundo colocado na tabela, o São Paulo busca um bom resultado fora de casa para diminuir a distância de sete pontos para o líder Cruzeiro. “É um bom time, sempre joga bem em casa e está num bom momento. Será um bom jogo”, disse Muricy Ramalho sobre o próximo adversário.

No Figueirense, o técnico Argel Fucks terá de lidar com a ausência da dupla de volantes. Luan, lesionado e fora do resto da temporada, e Rivaldo, suspenso por ter recebido o terceiro cartão amarelo. Para substituí-los, o treinador deve optar por Paulo Roberto e Dener. O restante da equipe será o mesmo que entrou em campo no último fim de semana.

Com apenas 19 anos, Dener falou sobre a oportunidade de atuar na equipe titular. “Creio que todo mundo acredita no meu potencial, a torcida, a comissão técnica e os companheiros. Às vezes um torcedor conversa comigo e me passa confiança, então estão todos comigo e quando as coisas são assim, tudo começa a acontecer naturalmente em prol do bem”, disse ao Globoesporte.com.

Ficha Técnica

Figueirense: Tiago Volpi; Leandro Silva, Marquinhos, Thiago Heleno e Cereceda; Paulo Roberto, Dener, Marco Antônio e Giovanni Augusto; Clayton e Marcão.
Técnico: Argel Fucks.

São Paulo: Rogério Ceni; Paulo Miranda, Rafael Toloi, Edson Silva e Reinaldo (Michel Bastos); Souza, Denílson, Maicon e Kaká; Osvaldo e Alan Kardec.
Técnico: Muricy Ramalho.

Árbitro: Wilton Pereira Sampaio (GO);
Assistentes: Fabricio Vilarinho da Silva (GO) e Bruno Boschilia (PR);
Árbitros adicionais: Eduardo Tomaz de Aquino Valadao (GO) e Marcos Mateus Pereira (MS);
Quarto árbitro: Edmundo Alves do Nascimento (SC);
Local: Estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis (SC);
Data: domingo (31), às 16h.

Fonte: FPF