Policia Civil recupera carga roubada do Magazine Luiza

Da Redação

A Polícia Civil recuperou, entre a noite de sábado (2) e a madrugada de hoje (4), grande parte da carga de mercadorias roubada de um centro logístico do Magazine Luiza na sexta-feira (1º). A carga estava em três caminhões em Limeira e Santo Antônio do Jardim, no interior do Estado. Um homem foi preso e pelo menos 24 mil itens já foram recuperados – a quantidade total da mercadoria ainda está sendo contabilizada.

Policiais do Setor de Crimes Contra o Patrimônio da 1ª Delegacia de Investigações Gerais (DIG) de Campinas investigavam o crime, quando conseguiram informações de que caminhões usados no roubo estavam escondidos em um galpão em Limeira.

No local, a equipe encontrou um grande pátio fechado com diversos caminhões e um escritório, onde foi localizado e preso o empresário E.A.S., de 48 anos, que informou ser o locatário e responsável pelo local.

Durante revista nas carrocerias dos veículos, os policiais acharam diversos produtos em três caminhões – um deles era furtado e estava com a placa adulterada. Os veículos estavam com grande quantidade da carga roubada.

Em seguida, o empresário assumiu que um homem havia pagado para deixar os caminhões no local.

No escritório, também foram apreendidos um lacre, três celulares – que o empresário disse terem sido entregues pelo mesmo homem – e um aparelho bloqueador de sinais rastreadores.

Os caminhões foram encaminhados ao pátio da empresa roubada, onde está sendo feita a conferência e contagem dos objetos recuperados, sob supervisão dos policiais da 1ª DIG de Campinas.

Mais 24 mil itens recuperados

Na noite de sábado (2), policiais da DIG e do Grupo Armado de Repressão a Roubos e Assaltos (Garra) já haviam encontrado 24.671 itens da carga roubada, no pátio de um posto de gasolina em Santo Antônio do Jardim.

Após descobrir que a carga poderia ser enviada ao sul de Minas Gerais, as equipes encontraram um caminhão com parte da carga no posto. O veículo estava estacionado entre outros caminhões e não havia ninguém no local.

O caminhão havia sido roubado no dia 15 de abril, na cidade de Salto, e estava com placas trocadas.

 

Com informações da Secretaria da Segurança Pública do Estado de SP