São Paulo apenas empata sem gols com a Chapecoense no Morumbi

Da Redação: Com as voltas de Rogério Ceni e Luis Fabiano, tricolor não saiu do zero jogando em casa

Divulgação/ASSECOM São Paulo

spfc-20159175716910g
O São Paulo empatou com a Chapecoense, por 0 a 0, nesta quinta-feira à noite, no Morumbi, pela 26ª rodada do Campeonato Brasileiro. Perdeu dois pontos importantes na sua luta para ficar entre os quatro melhores da temporada.

Apesar do tropeço em casa, soma 42 pontos, ainda na frente de dois paulistas que venceram quarta-feira: o Palmeiras, com 41, que goleou o Fluminense, por 4 a 1, e o Santos, com 40, que fez 4 a 0 sobre o Atlético Mineiro, na Vila Belmiro. O Corinthians lidera sozinho com 54 pontos, mesmo tendo perdido para o Internacional, por 2 a 1, em Porto Alegre. Enquanto isso, a Ponte Preta está em 12º lugar, com 34 pontos, após vitória sobre o Goiás, por 2 a 1, em Goiânia.

Este empate foi comemorado pelo time catarinense, que estreou o técnico Guto Ferreira, ex-Ponte Preta, no lugar de Vinícius Eutrópio. Com 31 pontos, ocupa a 13.ª posição, e continua com a disposição de evitar o rebaixamento.

No próximo domingo, às 16 horas, o São Paulo vai enfrentar o Avaí, em Santa Catarina, enquanto a Chapecoense vai receber o Cruzeiro, a partir das 18h30.

Flamengo é derrotado no Mané Garrincha

O Flamengo perdeu a sequência de seis vitórias consecutivas ao cair diante do Coritiba, por 2 a 0, nesta noite, no estádio Mané Garrincha, em Brasília. Com isso, o time carioca deixou o G4, grupo de elite, caindo para quarto lugar, com 41 pontos, com sua vaga sendo conquistado pelo São Paulo, com 42.

O Coritiba, na sua luta contra o descenso, soma 30 pontos, em 15º lugar, e empurra o Goiás para a zona de degola, em 17º, com 28. Os gols do time paranaense foram marcados no primeiro tempo por Kléber, cobrando pênalti, aos oito minutos, e por Henrique Almeida, aos 24.

O destaque já garantido antes mesmo da bola rolar foi o recorde de público na competição, com 67.011 torcedores e arrecadação de R$ 3.995.500,00.