Corinthians precisa confirmar reação para se classificar em Avellaneda

corin-A3567F123416-1024x683O tietado Ángel Romero é irmão gêmeo do meia Óscar, antigo destaque do Racing (foto: Daniel Augusto Jr./Ag. Corinthians)

O Corinthians espera provar que a sua brusca queda de rendimento ficou no passado. Recuperado no Campeonato Brasileiro após derrotar o Vasco com o polêmico gol de braço do centroavante Jô, o time do técnico Fábio Carille necessita de uma nova vitória, agora sobre o Racing, na noite desta quarta-feira, no Cilindro de Avellaneda, para seguir com esperanças de conquistar também o título da Copa Sul-Americana.

“O resultado positivo nos deu tranquilidade, mas não trabalho em cima de resultado, e sim de desempenho”, discursou Carille, respeitoso ao oponente que arrancou um empate por 1 a 1 em Itaquera. “Independentemente dos números, sabemos da força do Racing dentro da sua casa. É uma equipe muito bem treinada”, disse.

Apesar das qualidades do Racing e de precisar buscar uma vitória ou uma igualdade por um placar superior a 1 a 1 (que provocaria uma disputa de pênaltis), Carille preservará titulares. O técnico levou em consideração que, já na manhã de domingo, o líder do Brasileiro disputará clássico com o São Paulo, no Morumbi.

Apenas o lateral esquerdo Guilherme Arana, no entanto, não viajou à Argentina, até porque se reabilitou recentemente de lesão muscular. O volante improvisado Marciel será o substituto. Desgastados, o volante Maycon e o meia Rodriguinho serão reservas de Camacho e Marquinhos Gabriel. Em compensação, o meio-campo corintiano voltará a contar com a proteção do volante Gabriel, que havia cumprido suspensão contra o Vasco.

No Racing, que encara a Sul-Americana como prioridade, Diego Cocca evitou confirmar a sua escalação, mas poderá ter o goleiro Musso, contundido no jogo de ida contra o Corinthians, à disposição novamente. O técnico poupou jogadores da rodada do fim de semana do Campeonato Argentino e amargou uma derrota por 1 a 0 para o Banfield, fora de casa.

“Temos que ser o Racing do segundo tempo no Brasil. Ali, apareceu a equipe que queremos”, apontou Cocca, bastante elogioso ao Corinthians. “Jogar ao lado da nossa gente nos dá uma vantagem, mas não será fácil. O Corinthians sabe muito bem pelo que joga. Não vai se desesperar porque tem jogadores com experiência em torneios internacionais”, destacou.

FICHA TÉCNICA
RACING X CORINTHIANS

Local: Estádio El Cilindro, em Avellaneda (Argentina)
Data: 20 de setembro de 2017, quarta-feira
Horário: 21h45 (de Brasília)
Árbitro: Leodan González (Uruguai)
Assistentes: Mauricio Espinosa e Nicolas Taran (ambos do Uruguai)

RACING: Musso (Gastón Gómez); Solari, Vittor, Barbieri, Grimi e Soto; Pulpo González, Arévalo Ríos e Zaracho; Lisandro López e Triverio
Técnico: Diego Cocca

CORINTHIANS: Cássio; Fagner, Balbuena, Pablo e Marciel; Gabriel, Camacho, Romero, Jadson e Marquinhos Gabriel; Jô
Técnico: Fábio Carille
Da Gazeta Esportiva São Paulo, SP