Desfalcado, Santos recebe o Barcelona-EQU para seguir sonho do tetra

Desde o início de 2017, o Santos já havia deixado claro que o principal objetivo da temporada era a conquista da Libertadores. E após perder para Botafogo, no último sábado, no Rio, e ver o Corinthians abrir 12 pontos na liderança do Brasileirão, o Peixe colocará o ano em jogo nesta quarta-feira, às 21h45 (de Brasília), quando enfrentará o Barcelona de Guaiaquil, na Vila Belmiro, pela volta das quartas de final do torneio sul-americano.

Depois do empate em 1 a 1 no jogo de ida, no Equador, o alvinegro carrega uma pequena vantagem para a partida desta quarta. Afinal, caso o placar termine em 0 a 0, os comandados de Levir Culpi garantem uma vaga na semifinal da Liberta.

“Nessa competição, fazer gol fora é importante e fomos felizes lá. Agora o 0 a 0 classifica a gente. No jogo da volta, a defesa vai ter que ser muito importante. O Barcelona jogou muito bem fora de casa na Libertadores e vão procurar explorar isso aqui na Vila, a velocidade. Mas com o apoio do torcedor, esperamos a classificação para a próxima fase”, explicou o zagueiro David Braz.

santos-36500825833

Levir Culpi terá dois desfalques importantes para o duelo decisivo contra o Barcelona-EQU (Foto: Ivan Storti/Santos FC)

Para o confronto decisivo, porém, Levir não poderá contar com Lucas Lima e Renato. O camisa 10 sofreu uma lesão muscular de grau 2 na ida contra os equatorianos e pode ficar fora por mais de um mês.

Já o volante, com edemas na coxa e tornozelo direito, só deve ficar à disposição na próxima semana. Vecchio é o provável substituto do camisa 8. Na vaga de Lucas Lima, a tendência é que Jean Mota assuma o posto.

Além disso, o lateral-direito Victor Ferraz, com dores nas costas e na perna direita, também não deve entrar em campo. Com isso, Daniel Guedes entra no time titular.

Em contrapartida, o Santos terá o retorno de Copete. O colombiano desfalcou o time no Equador por conta de dores musculares na perna esquerda. Para o duelo desta quarta, porém, ele está liberado e reassume o posto de titular.

Barcelona-EQU bem longe de casa
Apesar do empate em 1 a 1 na ida ter sido comemorado pelos santistas, o Barcelona de Guaiaquil já demonstrou que não será presa fácil dentro da Vila Belmiro. Afinal, em toda a Libertadores, os equatorianos venceram longe de seus domínios duas vezes, mesmo número obtido no Estádio Monumental Isidro Romero Carbo.

“Entendemos que temos uma vantagem, mas que o jogo não está nada definido. Seremos fiéis ao nosso jogo, ao nosso estilo, porque nós queremos passar para a semifinal. Vamos com toda concentração, sem perder o foco, sabendo da dificuldade e respeitando o adversário”, afirmou Oliveira ao site oficial do Peixe.

bar-0000123Na ida, Barcelona de Guaiaquil foi buscar o empate em 1 a 1 com o Santos (Foto: Divulgação/ Barcelona de Guaiaquil)

Os Amarillos chegaram ao Brasil no último domingo e treinaram no Parque São Jorge, sede do Corinthians, na última segunda-feira. Já nesta terça, eles fizeram o reconhecimento do gramado da Vila Belmiro.

Para voltar ao Equador com a classificação na bagagem, o Barcelona de Guaiaquil precisa vencer ou empatar com dois ou mais gols. E para o confronto, o técnico Guillermo Almada deve repetir o mesmo time que empatou com o Peixe na partida de ida.

FICHA TÉCNICA
SANTOS X BARCELONA DE GUAIAQUIL

Local: Vila Belmiro, em Santos (SP)
Data: 20 de setembro de 2017, quarta-feira
Horário: 21h45 (de Brasília)
Árbitro: Victor Carrillo (PER)
Assistentes: Raul Lopez Cruz (PER) e Victor Raez (PER)

SANTOS: Vanderlei; Daniel Guedes (Victor Ferraz), Lucas Veríssimo, David Braz e Zeca; Alison, Vecchio e Jean Mota; Copete, Bruno Henrique e Ricardo Oliveira.
Técnico: Levir Culpi

BARCELONA DE GUAIAQUIL: Banguera; Pedro Velasco, Aimar, Arreaga e Beder Caicedo; Gabriel Marques, Matías Oyola e Damián Díaz; Esterilla, Marcos Caicedo e Jonatan Álvez.
Técnico: Guillermo Almada

 

Correspondente Vitor Anjos – Santos, SP
para a Gazeta Esportiva SP