GCM de Cotia localiza homem com transtorno mental que estava desaparecido há dez meses

 Da Redação

Homem saiu de Pernambuco em abril com destino à Moóca, mas nunca chegou à casa da irmã, com quem iria morar

A Guarda Civil Municipal de Cotia encontrou e identificou um homem de 34 anos de idade que era tido como desaparecido há dez meses. Sofrendo de esquizofrenia, A.B.E foi encontrado, nesta terça-feira (4/12), em situação de rua, próximo ao campo do bairro Recanto Suave. A ocorrência foi atendida por solicitação do subcomandante, Luciano Stephano, que foi procurado por moradores informando da situação degradante de uma pessoa perto do campo e que este estaria passando mal.

Os GCM’s Damasceno, Belmiro e Tadeu Santos foram ao local indicado e encontraram o homem que estava maltrapilho e aparentando pouca faculdade mental. Ao fazer uma consulta no sistema de pessoas desaparecidas da Polícia Civil, os GCM’s constataram que se tratava de um homem cuja família havia registrado boletim de ocorrência por seu desaparecimento.

A.B.E saiu de sua cidade, Pesqueira, no estado de Pernambuco, em abril deste ano. O destino era a casa de uma irmã, na Moóca. Mas ele nunca chegou lá. Com diagnóstico de esquizofrenia, A.B.E deixou de tomar os remédios que controlam a sua doença e perdeu a lucidez quando chegou à rodoviária do Tietê, já em São Paulo.

O homem foi alimentado pela GCM que fez contato com a sua família. “Estamos muito felizes em podermos proporcionar à esta família um reencontro com [A.B.E]. Parabéns à Guarda e a todos os envolvidos pelo empenho na assistência que devolveu uma pessoa ao lar e aos seus familiares”, disse Stephano.

Foto: Joseane Martins

Homem

Deixe uma resposta