Meio Ambiente de Osasco realiza exposição de orquídeas

Da Redaçãomeio-ambiente (3)

Uma parceria entre a Secretaria de Meio Ambiente da Prefeitura, O Orquidário da Terra e o Osasco Plaza Shopping garante a realização da Exposição de Orquídeas em Osasco. Entre os dias 7 e 20 de julho, quem for ao shopping terá a chance de ver mais de 200 espécies de orquídeas e levar para casa mudas a partir de R$8, além de comprar acessórios de jardinagem, como vasos, substratos, adubos, etc.

A exposição reúne orquídeas brasileiras e estrangeiras, como Catleyas, Laelias, Dendrobiuns, Cymbidiuns, Phalaenopsis, Paphiopediuns, Aeranges e Rhyncostilis, além de híbridos dessas espécies. O Osasco Plaza Shopping está localizado à rua Tenente Avelar Pires de Azevedo, 81, Centro, com acesso ao público, diariamente, das 10 às 22 horas.

Serviço:

Exposição de Orquídeas

Local: Osasco Plaza Shopping

Período: 7 a 20 de julho

Horário: 10h às 22h

Promoções e Eventos: Ângela Maria

e-mail: sema@osasco.sp.gov.br

Com informações de Angela Maria de Oliveira,SEMA/PMO

meio-ambiente (1)

meio-ambiente (2)

 

Meio Ambiente de Cotia participa de treinamento da ALL

Secretaria de Meio Ambiente de Cotia participa de treinamento da ALL

Da RedaçãoDSC00701p

A Secretaria Municipal de Meio Ambiente participou, na última quarta-feira (25/06), da apresentação do plano de contenção da ALL, América Latina Logística. A empresa, que possui parte de seu transporte ferroviário passando pela Reserva do Morro Grande, simulou situações de risco e mostrou aos presentes os métodos de prevenção e de ação aplicados em casos de possíveis acidentes.

Estiveram no encontro membros das Secretarias de Meio Ambiente e Obras, Defesa Civil, Corpo de Bombeiros, Sabesp e empresas que auxiliam a ALL neste plano de contenção.

DSC00729

 

Meio Ambiente apresenta 20 projetos estratégicos para beneficiar o setor

Da Redação

Na manhã desta quarta-feira (25), o prefeito de Osasco, Jorge Lapas, reuniu-se com secretários, coordenadores e administradores municipais para a 1ª Sala de Situação referente aos resultados e projetos estratégicos na área de Meio Ambiente.

O encontro realizado na sala de reuniões da prefeitura sob a coordenação da Secretaria de Planejamento e Gestão (Seplag) abordou 20 projetos estratégicos referentes à pasta.

Dentre os diversos assuntos abordados, a Secretaria Municipal de Meio Ambiente deverá assumir o gerenciamento e a coordenação do Parque Ecológico do Jardim Bonança (Antonio Calderón), além dos projetos operacionais que incluem cercamento, reforma do Casarão e implantação do Núcleo de Educação Ambiental (NEA) de espécies arbóreas, características da Mata Atlântica.

Está previsto também o aumento do número de seguranças nos parques. “A presença dos agentes de segurança é prioritária nos parques. Isso oferece mais segurança aos frequentadores e melhora a avaliação das pessoas”, disse o prefeito Jorge Lapas durante a reunião.

Será criado o Plano Municipal de Resíduos Sólidos sob a responsabilidade das secretarias de Meio Ambiente, Serviços e Obras, Planejamento e Gestão e Desenvolvimento, Trabalho e Inclusão, além do Projeto de Educação Ambiental sobre resíduos sólidos que será itinerante, incentivando a participação da comunidade para consumir de forma consciente, aderindo  à coleta seletiva.

Haverá também ações de revitalização e manutenção de nascentes e margens de córregos, criação de novos Núcleos de Educação Ambiental e de Salas Verdes, que são espaços com biblioteca, videoteca e computador com acesso à internet para pesquisas e elaboração de trabalhos sobre temas ambientais, ampliação dos serviços de poda e corte, reforma de alguns parques, entre outros.

O secretário municipal responsável pela pasta, Carlos Marx, esteve presente, assim como os secretários Carlos Baba (Serviços e Obras) e Marisa Elizabeth da Silva (Administração).

 

Com informações de Alessandra Neves

 

 

 

Veículos movidos a diesel passarão por avaliação veicular em Barueri

Da Redação

veiculo em Barueri 1

Avaliação Veicular em 2013

Na sexta-feira e sábado, dias 27 e 28, a Secretaria de Recursos Naturais e Meio Ambiente de Barueri promoverá a avaliação dos veículos movidos a diesel, para controle de emissão de fumaça preta. Deverão ser vistoriados, no estacionamento do ginásio José Corrêa, todos os veículos das empresas que prestam serviços para a Prefeitura e também aqueles que compõem a sua frota.

Esta avaliação veicular é gratuita e também é aberta aos munícipes que possuem veículos a diesel. De caráter educativo, tem como objetivo preservar a qualidade do ar no município por meio do controle da fumaça emitida pelos motores que utilizam este combustível. Não é uma inspeção punitiva, mas sim de orientação aos proprietários destes tipos de veículos.

A fumaça preta gerada pela queima incompleta desse tipo de combustível é composta basicamente por carbono (fuligem) e por suas partículas. A emissão desses poluentes na atmosfera causa graves danos à saúde, como irritação nos olhos e garganta, redução da resistência a infecções, além de doenças respiratórias crônicas.

Os veículos aprovados no teste receberão um adesivo que confirma a participação e aprovação na avaliação. Os reprovados serão orientados a realizar a regulagem do motor de acordo com as especificações de cada fabricante.

AVALIAÇÃO VEICULAR
Dia 27 de setembro, sexta-feira, das 9h às 16h
Dia 28 de setembro, sábado, das 8h30 às 11h
No estacionamento do Ginásio José Correia
Avenida Guilherme P. Guglielmo, 1.000, Centro Comercial de Barueri
Informações: 4199-1500

Com informações de Sabrina Saraiva(foto:PMB Edivaldo Santana (2013)

 

Estado transfere mais de 1 milhão de m² do Parque Ecológico do Tietê para Barueri

14503364784_49bed2c817_c

Estado repassa Pq do Tietê ao Municicípio de Barueri

Em cerimônia realizada no fim de semana, o governo do Estado transfere para Barueri 1.157.653,93 m² do total de 1,7 milhão de m² do Parque Ecológico do Tietê, Núcleo Oeste. A outra parte, 598,9 mil m², fica com Santana de Parnaiba. O repasse oficial às duas cidades foi autorizado pelo governador Geraldo Alckmin, que assinou um termo de permissão uso, domingo, 22, em frente ao prédio da administração do espaço também conhecido como Parque Ecológico Tamboré.

O evento foi prestigiado pelos prefeitos de Barueri, Gil Arantes, e de Santana de Parnaíba, Elvis Cezar; por deputados, vereadores e secretários municipais e outras autoridades regionais.

Para o governador, o novo modelo de gestão tornará o Parque Ecológico bem melhor nos próximos cinco anos, pois estará mais perto dos governos locais. “A ideia é preservar as várzeas do rio Tietê com muito verde e muita árvore. E esse parque tem uma área maravilhosa, uma beleza, que continuará sendo do povo.”

O Parque Ecológico é dividido em duas áreas: Barueri assumirá 532,2 mil m² na margem esquerda do rio Tietê e 625,4 mil m² na margem direita do rio. Já Santana de Parnaíba receberá 99,6 m² na margem esquerda e 439,3 m² na margem direita do Tietê.

Em sua área total, semelhante à do Parque do Ibirapuera, em São Paulo, o Parque Ecológico do Tietê inclui o Centro de Lazer Ilha do Tamboré, a Ilha do Bacuri, a Área do Russo, que é administrada pela Sociedade Alphaville Residencial 2, e a ETA Barueri, operada pela Sabesp.

Barueri, além de cuidar da manutenção e investir em novos equipamentos, tem planos de tornar o Núcleo Tamboré em espaço para eventos culturais e de educação ambiental.

Responsável pelo pedido de concessão da área ao Estado, o prefeito Gil Arantes, que também agradeceu ao governador Geraldo Alckmin pelos investimentos em obras viárias e de saneamento, disse que a permissão de uso do setor representa um momento de história e realidade para a cidade. “Vamos cuidar com carinho deste parque maravilhoso, que será um benefício enorme para toda Barueri”.

Preservação ambiental com lazer
O Parque Ecológico do Tietê fica na Via Parque, nº 1600, em Alphaville. Foi criado pelo governador do Estado de São Paulo, Paulo Egydio Martins, em 30 de abril de 1976, com a publicação do decreto nº 7.868.

Tem como objetivo integrar a preservação ambiental com lazer, por intermédio do reaproveitamento das áreas desapropriadas e “excedentes” da retificação do rio Tietê na região de Osasco/Barueri/ Santana de Parnaíba, sendo inaugurado em 11 de março de 1979.

O Parque Ecológico recebe cerca de 20 mil visitantes por mês, além de preservar a várzea do rio Tietê, a fauna e a flora da região, possui vários equipamentos esportivos e de lazer. Possui uma trilha que passa entre os recintos dos animais e o lago, que tem cerca de 40 mil m². O lago e a mata servem de suporte para diversos animais silvestres em liberdade, tais como garça, gavião, capivara e ratão do banhado.

Parque-ecologico (3)

Parque-ecologico (1)

 

Com informações de Arleno Marques e Sabrina Saraiva (fotos:Bonny Vieira e Valdir Galindo)

 

Taboão da Serra celebra Semana do Meio Ambiente

Por Diogo DortaSemana do Meio AmbienteSeminário promovido na TaboãoPrev discutiu com empresários o manejo de resíduos sólidos (Foto: Tamara Freitas)

Para comemorar a Semana do Meio Ambiente, a Prefeitura de Taboão da Serra, através da Secretaria de Desenvolvimento Urbano, Habitação e Meio Ambiente realizou, no dia 04 junho, o seminário “Empresas, indústrias e o manejo de resíduos sólidos”, no prédio do TaboãoPrev.

O encontro debateu a responsabilidade ambiental das empresas na gestão de resíduos, nos âmbitos de logística, apoio social e econômico. Foi abordada ainda a administração destes materiais na esfera municipal.

Segundo o diretor do Departamento de Meio Ambiente da Prefeitura, Arilson Romão, o seminário foi um grande passo. “Essa aproximação com as empresas e indústrias de Taboão é importante para esclarecer as políticas e posturas ambientais que devem ser cumpridas no município.” – disse.

O evento contou com a participação do vice-prefeito de Taboão da Serra Laércio Lopes, Fabio Luiz Cardozo representante do Instituto Ecoar para Cidadania, Edilson Maia representante da Empresa Bomax, além de empresários.

Atividades lúdicas

No dia 05 de junho, ocorreram atividades lúdicas com a participação de crianças de 4 a 5 anos, alunos da Escola Municipal Infantil (EMI) Anjinho. O foco da ação, feita com materiais reciclados, era despertar a consciência ambiental nos alunos, uma vez que reciclar nada mais é do que poupar recursos naturais na fabricação de novos produtos.

Na escola também ocorreu a palestra “Reciclagem – o que podemos fazer?”, que contou com pais, professores e a comunidade. As atividades foram desenvolvidas em parceria com o Instituto Ecoar para a Cidadania e com a cooperativa Cooperzagati.

Já no dia 6 de junho, foi vez dos moradores do Condomínio Ipê, no Jardim Ponte Alta, receberem a palestra. Através da exibição do vídeo “Reciclagem do lixo e coleta seletiva”, o encontro destacou a importância da reciclagem, além de esclarecer os tipos de resíduos que podem ser reciclados e qualidade destes materiais.

Meio Ambiente de Cotia participa de capacitação para o Município Verde Azul

Da Redação

mundo-verdeNa última segunda-feira, (9/6), a equipe da Secretaria de Meio Ambiente e Agropecuária de Cotia esteve na reunião de capacitação sobre os critérios do Programa Estadual Município VerdeAzul, ciclo 2014, no auditório da Secretaria Estadual de Meio Ambiente. Coordenadorias da Secretaria Estadual de Meio Ambiente, da Defesa Civil e da Fundação Getúlio Vargas prestaram orientação aos grupos sobre as 10 diretivas, dentro das quais cada secretaria municipal deve trabalhar para documentar suas ações e agregar pontuações.

A diretiva da biodiversidade sofrerá alteração e, brevemente, estará à disposição do município, que foi convidado a acessar diferentes videoconferências que ocorrerão nos próximos meses.

Outro ponto debatido foi o da necessidade em integrar todas as secretarias municipais para melhorar o desenvolvimento da cidade dentro e fora do programa, buscando uma elevação na qualidade de vida para a população e para a natureza.